Congresso Nacional devolve simbolicamente mandato ao ex-presidente João Goulart.

O deputado Simão Sessim, segundo-secretário da Câmara dos Deputados participou, nesta quarta-feira (182), de sessão solene do Congresso Nacional para a devolução simbólica do mandato presidencial a João Goulart, deposto pelos militares em 1964. A iniciativa do parlamento só foi possível depois da aprovação do projeto que anulou a sessão plenária de 2 de abril de 1964, quando o então presidente do Congresso, senador Auro de Moura Andrade, declarou vaga a Presidência da República.

A sessão solene, que contou com a presença da presidente Dilma Rousseff, os parlamentares entregaram simbolicamente o diploma presidencial ao filho de Jango, João Vicente Goulart. “Jango hoje parte como homem. Fica o Brasil unido na concórdia e na reflexão da história”, disse o filho do ex-presidente durante a solenidade.

O projeto que anulou a sessão de abril de 1964 diz que a devolução do mandato presidencial a Jango, embora sem efeitos práticos, “torna clara a manobra golpista levada a cabo no plenário do Congresso Nacional”.

Comentário

Leave a comment

%d blogueiros gostam disto: