Tag archive: Ensino profissionalizante

Simão Sessim destaca trabalho do CEFET do Rio de Janeiro

O deputado Sessim (PP-RJ), aproveitou a sessão da Câmara dos Deputados para elogiar a Direção-Geral do Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca, o CEFET do Rio de Janeiro, que comemora agora no mês agosto o centenário da instituição.

Trata-se de uma das mais importantes organizações de ensino profissionalizante criadas no Brasil. A história desses Centros Tecnológicos remonta a 1909, quando o então Presidente Nilo Peçanha determinou, por decreto, a criação de Escolas de Aprendizes Artífices nas capitais dos estados para proporcionar um ensino profissional, primário e gratuito”, lembrou Simão Sessim.

Continue reading

Simão Sessim denuncia abandono do Ensino Profissionalizante no Rio de Janeiro

O descaso e o abandono do governo estão frustrando o sonho de quem está buscando no ensino técnico profissionalizante o caminho mais curto para conquistar o mercado de trabalho. O deputado federal Simão Sessim (PP-RJ), denunciou na tribuna da Câmara dos Deputados, nesta quarta (31), que o sonho está virando pesadelo para os alunos da Fundação de Apoio à Escola Técnica (Faetec), instituição responsável pelo Ensino Técnico e Profissionalizante público do Estado do Rio de Janeiro.

A Faetec, que já foi modelo para o resto do País, vive atualmente uma situação dramática, com as aulas paralisadas há meses, salários de servidores e pagamento de fornecedores atrasados e uma debandada de alunos, sem precedentes”, disse Simão Sessim.

Continue reading

Simão Sessim ressalta mais uma vez a importância do ensino profissionalizante

O segundo-secretário da Câmara dos Deputados, Simão Sessim (PP-RJ), fez um pronunciamento no plenário parabenizando a revista Exame pela reportagem “Quanto vale um diploma” do jornalista Gladinston Silvestrini.

A reportagem mostra um levantamento do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada IPEA, que na última década os rendimentos dos brasileiros, com mais de 11 anos de estudo, os que estão cursando ou concluíram um curso de nível superior caíram em relação à renda dos trabalhadores que não chegaram a terminar o ensino fundamental ou médio. O deputado Sessim salientou que a reportagem destacou que uma das razões deste cenário é o descompasso entre a formação e as exigências do mercado de trabalho.

O estudo do IPEA mostra ainda que para quase um terço dos empregadores brasileiros os jovens saem das faculdades pouco preparados para o trabalho.

“A Revista Exame ao publicar a matéria presta um serviço inestimável aos formuladores das políticas públicas de emprego e educação e dá a notícia: o Brasil precisa persistir na adoção e ampliação dos cursos profissionalizantes, ponto essencial para oferecer um futuro melhor para os jovens brasileiros e para o Brasil”, disse o deputado Simão Sessim.

Pronunciamento do deputado Simão Sessim (28/11/2013)